04 Dez 2020

Programa Bilateral de Intercâmbio de Assistentes de Língua Francesa

No dia 14 de janeiro decorreu, no nosso agrupamento, mais concretamente na Escola Básica Julio-Saúl Dias, um encontro com a DGE (Direção Geral de Educação) e o IF (Instituto de Francês) no âmbito do Programa Bilateral de Intercâmbio de Assistentes de Língua que consta do Acordo de Cooperação Cultural firmado entre Portugal e França em 1970, em curso em Portugal desde 1974. Este programa possibilita aos jovens participantes (Assistentes de Português em França e Assistentes de Francês em Portugal) uma primeira experiência profissional, através do exercício de funções remuneradas em estabelecimentos de ensino dos dois países, e bem como a melhoria dos seus conhecimentos linguísticos e culturais.
O Ministério da Educação e Ciência colabora com as autoridades francesas de educação para o desenvolvimento deste programa.
O Programa tem duas vertentes:
‒ Colocação, contratação e permanência de Assistentes de Francês em Portugal, por um período de 7 meses, em estabelecimentos da rede pública dos ensinos básico e secundário.
‒ Recrutamento, seleção e acompanhamento de Assistentes de Português em estabelecimentos da rede pública dos ensinos básico e secundário franceses, por um período de 7 meses.
Assim, o AEDAS recebeu, nesta terça-feira, a visita de uma representante da DGesTE (Direção Geral de Estabelecimentos Escolares), a Dr.ª Maria de Lurdes Ferro Godinho, bem como de  representantes do Instituto de Francês da Embaixada de França em Portugal, a Dr.ª Camille Campos e a Dr.ª Clarisse Boudard. Além destas presenças, foi possível contar com o contributo da Subdiretora Susana Barbosa, da Professora-Tutora, Glória Oliveira e da Assistente de Francês colocada no nosso agrupamento de escolas, Noémie Pereira.
O objetivo era avaliar a implementação deste Programa no AEDAS. Por esse motivo, as representantes da DGE e do IF assistiram a uma aula de Francês na turma do 7°D, lecionada pela Professora-Tutora, Glória Oliveira com auxílio da Assistente de Francês, Noémie Pereira.
Logo a seguir, reuniram-se na sala do Club de Français, onde tudo tinha sido organizado com muito carinho para esta ocasião.
Todos os elementos expressaram as suas opiniões sobre o programa implementado na nossa Escola e as suas possíveis evoluções no sentido de proporcionar aos alunos uma descoberta da língua e cultura francesa de forma lúdica e proativa.
Odete Pinho