Ensino Básico

aedas_basico

Para o AEDAS o 1.º ciclo é o início do percurso escolar e, por isso, desde o primeiro dia, temos uma equipa educativa motivada e dedicada que se compromete à promoção do desenvolvimento pessoal de cada criança a fim de reunir todas as condições para a realização de aprendizagens significativas.

Todas as áreas do currículo – Estudo do Meio, Português, Matemática, Inglês (3.º e 4.º anos), Expressão Motora, Expressão Musical e Expressão Plástica – são planeadas de forma articulada entre os professores titulares. No período da tarde, os alunos trabalham em metodologia de projeto, em áreas multidisciplinares o tema globalizante “conhecer a sua identidade”. No âmbito do Projeto da Flexibilidade Curricular, ao qual aderimos como escola piloto, os nossos alunos trabalham conteúdos transversais no âmbito da Cidadania e Desenvolvimento, sendo uma mais-valia no desenvolvimento pessoal de melhores cidadãos. Em todas as turmas, existem docentes coadjuvantes em sala de aula, de forma a melhor apoiar os nossos alunos e possibilitar condições para a diferenciação pedagógica, isto é, adequar o ensino a cada aluno. A equipa educativa inclui um conjunto de profissionais especializados em cada uma das áreas disciplinares.

A atividade letiva inicia às 09h00 e termina às 17h30. Em complemento com as atividades letivas desenvolvem-se atividades extracurriculares criadas em parceria com a Câmara Municipal de Vila do Conde em áreas tão diversas  como a Atividade Física e Desportiva e Ciências Experimentais.

O 2º ciclo assume-se como mais um momento chave no percurso do aluno, pois acarreta uma transição que traz muitas novidades. Mais disciplinas e mais professores que implicam o assumir de outras responsabilidades. Para além das disciplinas do currículo nacional, os alunos do 5.º ano contactam, pela primeira vez, com projetos diferenciadores da nossa proposta educativa, como as diferentes Oficinas: de Expressão Escrita, de Expressão Dramática, de Expressão Musical e de Matemática e Ciências.

A existência de espaços dinamizadores de aprendizagens como a Biblioteca da EBJSD e a Sala de Estudo, para além das atividades de enriquecimento curricular, que incluem o Desporto Escolar com sete modalidades (desde o ténis à canoagem, passando pelo voleibol, a orientação e a natação) e os diferentes Clubes, potenciam o desenvolvimento multidimensional e a exploração das suas capacidades em função dos interesses e talentos de cada um.

Uma equipa de docentes estável assegura aos alunos a realização de uma transição sólida entre ciclos, pautada por um crescente desenvolvimento da autonomia. Aposta no trabalho colaborativo entre pares, de forma a promover em cada aluno o desenvolvimento do seu pleno potencial. Não podemos deixar de referir o Quadro de Valor e Excelência, transversal toda a oferta formativa, em que, numa cerimónia de destaque no município, os nossos alunos com melhores resultados académicos ou que demonstraram excelência do seu valor nas áreas desportiva, social ou cultural são galardoados, vendo o seu mérito publicamente reconhecido. Este reconhecimento tem sido também uma aposta ganha com o projeto Turma Alfa, em que, periodicamente, se reconhece o valor académico e o comportamento são destacados no panorama geral da AEDAS.

A grande maioria dos alunos do AEDAS, no início do 3.º ciclo, conta já entre 2 a 9 anos de percurso na nossa escola, tendo evoluído num ambiente educativo promotor da excelência académica, bem como de um ser humano completo e harmonioso.

A visão do AEDAS preconiza que, para além das áreas científicas e tecnológicas, urge criar oportunidades para trabalhar outras dimensões do ser humano: a dimensão artística e cultural, a dimensão pessoal e a interpessoal, a consciência global e o respeito pelo outro.

O aluno é apoiado no seu desenvolvimento pessoal não só nas diferentes disciplinas curriculares, mas também em serviços especializados, como o SPO (Serviço de Psicologia e Orientação) e o GIAA (Gabinete de Informação e Apoio ao Aluno), bem como a equipa de Educação Especial.

A matriz curricular do 7.º ano funciona de acordo com um projeto de articulação entre as disciplinas de Físico-Química e Ciências Naturais, bem como de Educação Tecnológica e Tecnologias de Informação e Comunicação. No 9.º ano a matriz curricular tem um reforço na carga horária das disciplinas de Matemática e Português.

As planificações das nossas disciplinas definem os currículos em função das aprendizagens essenciais, colocando o aluno no centro de todo o trabalho desenvolvido. De forma a alcançar os objetivos definidos para cada aluno, muitas turmas têm docentes em coadjuvação ou beneficiam de um docente extra no âmbito do projeto Pró-Sanches, em que os alunos trabalham de acordo com o seu perfil de proficiência, isto é, as estratégias são diversificadas de forma a garantir que, para cada aluno, se encontram as melhores ferramentas de ensino e aprendizagem.