28 Nov 2020

Palestras sobre Ciberbulliyng – a Escola Segura vem ensinar-nos!

No âmbito da parceria entre o Agrupamento de Escolas D. Afonso Sanches e a Escola Segura da PSP de Vila do Conde, têm estado a decorrer, no auditório da Escola Básica Julio-Saúl Dias,   palestras sobre cyberbulling, da responsabilidade da Escola Segura e dirigidas a todos os alunos dos 5.º e 6.º anos.

Foi com muita atenção e interesse, que os nossos alunos dos 5.º E e 5.º C aprenderam mais sobre este problema crescente e seguiram os conselhos dos agentes de segurança.

E tu? Sabes o que é o ciberbullying? Deixamos-te aqui alguma informação mais relevante para aprenderes e partilhares.

O Ciberbullyng  tem-se tornado cada vez mais comum,  em que um utilizador anónimo (recorrendo a perfis falsos, contas sem informação ou até roubo da identidade de outros utilizadores), através das redes sociais, e-mails, SMS, serviços de IM, fóruns ou quaisquer outros mecanismos de comunicação, transtorna outro utilizador.

O agressor pode fazê-lo de diferentes formas – através de ameaças, – denegrir a sua imagem, causando sempre períodos de sofrimento e/ou stress. E enquanto que no bullying “tradicional” o bully é geralmente o elemento com maior poder (tamanho, idade, força) dentro de um grupo local, na Internet, o agressor pode ter os mais variados perfis.

Existem algumas redes sociais/aplicações que foram sinalizadas como propícias ao Cyberbullying, nomeadamente aplicações que permitem o anonimato como é o caso do Ask.FM e Snapchat.

O que fazer para estar mais seguro?

Não existe uma solução para erradicar este fenómeno, visto que é fruto do resultado de uma interação entre pares e do impacto das tecnologias na nossa vida social. No entanto, existem alguns cuidados que podem ser considerados de forma a reduzir os perigos associados ao cyberbullying:

  • Não disponibilizes informação privada inadvertidamente;
  • Não partilhes informação pessoal ou íntima;
  • Não forneças a tua palavra-passe a ninguém;
  • Guarda registos de todas as mensagens que recebes;
  • Altera a(s) tua(s) conta(s) de correio eletrónico caso uma situação persista;
  • Aceita apenas pedidos de utilizadores que conheces pessoalmente;
  • Modifica o estado dos teus perfis para privados;
  • Não publiques informações relacionadas com outros utilizadores;
  • Dirige-te aos teus contactos sempre de forma respeitosa, tal como farias num contacto direto;
  • Não respondas a nenhuma ameaça ou incitação ao ódio.

Porque prevenir é preciso! Obrigada Escola Segura!

Deixe uma resposta